FDA Aprova pâncreas artificial da Medtronic

O FDA aprovou um novo, automatizado pâncreas artificial sistema de baseado em Minneapolis Medtronic, Inc.

 
Fonte: DiabetesHealth
Por: Brenda Neugent
30 de setembro de 2013FDA Aprova pâncreas artificial da Medtronic

O sistema inovador, de primeira geração é o primeiro de seu tipo nos Estados Unidos, e tem a capacidade de parar automaticamente insulina entrega quando os níveis de glicose no sangue são muito alta ou muito baixa.

O 530G MiniMed com sensor Enlite é uma das muitas inovações em diabéticos opções de tratamento da Medtronic. A empresa desenvolveu o primeiro do mundo bomba de insulina , em 1983, e seguiu com uma bomba de insulina integrado e sistema de monitoramento de glicose em 2006.

Conheca Viva Zero

Em adição a uma bomba de insulina e um monitor de glicose contínua equipado com o sensor Enlite melhorado, o pâncreas artificial 530G MiniMed inclui o sistema Threshold Suspender, que tem a capacidade de impedir automaticamente a entrega de insulina em resposta a níveis de glicose no pré determinado por um prestador de cuidados de saúde.

Trabalhando em conjunto com a bomba eo monitor, o Threshold Suspender sistema utiliza tecnologia avançada para cessar automaticamente a entrega de insulina se os níveis de glicose chegar a um limiar predefinido e se o usuário é incapaz de responder ao Limiar Suspender alarme. Se o utilizador está a dormir, o sistema de administração de insulina para suspender até duas horas, reduzindo o risco de hipoglicemia ou de hiperglicemia.

Para aqueles com um tipo de diabetes, em que o pâncreas não produz insulina, um pâncreas artificial é concebida para mimetizar a administração de insulina de um pâncreas saudável, proporcionando tanto a monitorizarão contínua da glicose e da insulina entrega automaticamente ajustada que intervém quando grandes quantidades de glucose é severamente ou severamente alta.

O sistema 530G MiniMed é aprovado para uso por pessoas com diabetes acima de 16 anos, embora Medtronic planeja realizar um estudo pós-aprovação que irá incluir crianças acima de 2 anos