Homens inférteis correm mais risco de diabetes e doenças cardiovascular

Estudo sugere que os homens diagnosticados com infertilidade correm maior risco de desenvolver outros problemas de saúde.

Fonte: diabetenet.com.br

Postado por: noticiasaominuto.com

Diabetes, cardiopatia isquémica e , são os problemas a que estãHomens inférteis correm mais risco de diabetes e doenças cardiovascularo mais propensos os homens diagnosticados com infertilidade, quando comparados aos homens férteis. É o que sugere um estudo publicado recentemente na revista científica Fertility and Sterility.

Neste estudo, investigadores da Escola de Medicina da Universidade Stanford, nos Estados Unidos, analisaram os registros de saúde de mais de 115 mil homens férteis, inférteis e também daqueles submetidos à vasectomia em idade reprodutiva.

Conheca Viva Zero

Os resultados mostraram que, dos três grupos, os inférteis eram os que tinham as maiores taxas de risco para quase todas as doenças investigadas, incluindo cardíacas e diabetes.

Como reporta a revista Veja, além disso, os homens com a forma mais severa de infertilidade corriam o maior risco de desenvolvimento de doenças renais e abuso de álcool.

De acordo com os autores, estes resultados são surpreendentes, principalmente pela faixa etária dos participantes: com idade média de 30 anos.

“Os homens em idade reprodutiva normalmente só vão ao médico quando há um grande problema. Na maior parte do tempo a fertilidade é uma das primeiras coisas que os traz ao médico, por isso essa pode ser uma oportunidade para examiná-los para outros problemas de saúde e ver como está a sua saúde geral”, disse Eisenberg, autor principal deste estudo.

O site Diabete.Com.Br avisa: As informações contidas neste site não se destinam ou implica a ser um substituto para aconselhamento médico profissional, diagnóstico ou tratamento. Todo o conteúdo, incluindo texto, gráficos, imagens e informações, contidos ou disponíveis através deste site são apenas para fins informativos gerais. As opiniões expressas aqui são as opiniões de escritores, colaboradores e comentaristas, e não são necessariamente aqueles de Diabete. Com.Br. Nunca desconsidere o conselho médico profissional ou demorem a procurar tratamento médico por causa de algo que tenha lido ou acessado através deste site.