A sensibilidade à insulina e complicações na diabetes tipo 1

Apesar das melhorias em glicose, lipídios e controle da pressão arterial, complicações vasculares permanecem a mais importante causa de morbidade e mortalidade em pacientes com diabetes tipo 1.

 

Fonte: ncbi.nlm.nih.gov
Autores: Petter Bjomastad – Janet k. Snell-Bergeon – Kristen J. Nadeau –  David Maahs do Departamento de Pediatria da Universidade do Colorado School of Medicine – Aurora, CO, Estados Unidos.
15/02/2015

Por esse motivo, existe uma necessidade para identificar os fatores de risco adicionais para utilizar na prática clínica ou traduzir a novas terapias para prevenir as complicações vasculares.A sensibilidade à insulina e complicações na diabetes tipo 1

Sensibilidade reduzida à insulina é um componente cada vez mais reconhecido da diabetes tipo 1, que tem sido associada com o desenvolvimento e progressão de níveis micro e complicações macro vasculares.

Conheca Viva Zero

Adolescentes e adultos com diabetes tipo 1 têm reduzido a sensibilidade à insulina, mesmo quando comparados a seus pares não-diabéticos de adiposidade semelhante, a níveis séricos de triglicérides, colesterol de lipoproteína de alta densidade, nível de atividade física habitual, e em adolescentes, desenvolvimento puberal.

Sensibilidade à insulina reduzida é usada para contribuir tanto para a iniciação e progressão das complicações macro e microvasculares na diabetes tipo 1. Atualmente os ensaios clínicos em andamento, estão examinando os benefícios de melhorar a sensibilidade à insulina com relação a complicações vasculares em diabetes tipo 1.

Sensibilidade reduzida à insulina é um componente cada vez mais reconhecidos de diabetes do tipo 1, está implicada na patogênese de complicações vasculares e, potencialmente, um importante alvo terapêutico para a prevenção de complicações vasculares.

Nesta revisão, vamos concentrar-nos sobre a contribuição fisiopatológica da sensibilidade à insulina de complicações vasculares e resumir ensaios clínicos em curso relacionados.

O site Diabete.Com.Br avisa: As informações contidas neste site não se destinam ou implica a ser um substituto para aconselhamento médico profissional, diagnóstico ou tratamento. Todo o conteúdo, incluindo texto, gráficos, imagens e informações, contidos ou disponíveis através deste site são apenas para fins informativos gerais. As opiniões expressas aqui são as opiniões de escritores, colaboradores e comentaristas, e não são necessariamente aqueles de Diabete. Com.Br. Nunca desconsidere o conselho médico profissional ou demorem a procurar tratamento médico por causa de algo que tenha lido ou acessado através deste site.